21 de Abril de 2019

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO
logo

Sexta-feira, 12 de Abril de 2019, 15h:01 - A | A

Aos 104 anos, pescador que tirou o sustento dos 24 filhos do Rio Cuiabá diz sentir saudades do passado

image

Aos 104 anos, o pescador aposentado Benedito Borges dos Santos sente saudades da época em que vivia no Rio Cuiabá, de onde tirava o sustento da família. Em entrevista ao jornalista Elias Neto, na série Cuiabá 300 anos, ele não conteve a emoção ao se lembrar daquele tempo.

“Até choro de vontade de voltar naquele tempo bom. Desde de criança eu ficava na canoa com papai segurando a jiripoca, puxando a linha’’, contou.

Quando soube que daria entrevista, Benedito vestiu a melhor roupa para falar da própria história e disse que a vida no rio foi dura, mas nunca perdeu a alegria de trabalhar e guarda boas lembranças da época.

“Criei 24 filhos só com o dinheiro do Rio Cuiabá, só com o dinheiro do peixe. Eu amanhecia pescando, rindo e tratando todo mundo bem, nunca precisei desmoralizar ninguém e nunca roubei uma peleja de ninguém. Acho que estou vivo até agora por causa de muitas palavras boas que falavam para mim’’, relatou.

   Parte da família do seo Benedito — Foto: TVCA/ Reprodução

Parte da família do seo Benedito — Foto: TVCA/ Reprodução

Marize Borges dos Santos, uma das filhas de Benedito, disse que na época a quantidade de peixe no rio era maior. “Comemos muito peixe da hora, pacu, dourado, curimbatá, mamãe fazia muito ensopado. Tinha tanta fartura de peixe”, contou.

A bisneta dele, Maria Paula Pinho, afirmou que tem orgulho do avô e que o admira pela pessoa que ele é e representa para a família.

"’Tiveram vários meios dele [Benedito] conseguir dinheiro e fez com o próprio suor, conseguiu sustentar os 24 filhos com o peixe. Acho ele um homem muito trabalhador, honesto e muito humilde"’, contou.

Marize Borges dos Santos, filha do Benedito fala dele com gratidão e carinho. ‘’Eu sinto muito orgulho do meu pai. Meu pai é um exemplo para mim’’, expressou.

Seo Benedito foi um dos personagens da reportagem de Elias Neto sobre o Mercado do Porto e a Feira do Porto.

A Feira do Porto começou no Museu do Rio, mudou para o Porto no Campo do Bode e há 24 anos está no localizada próximo a orla do Porto, prédio construído especificamente para atender aos feirantes da região.






ENQUETE

VEJA MAIS

Você é contra ou a favor da taxação dos Ubers?

PARCIAL
image