? ºC Tangará da Serra - MT

Cidades

09/03/2018 08:35 Folha Max

Instituto Memória retrata trajetória de mulheres

Como parte das comemorações ao Dia Internacional da Mulher (8 de Março), o Instituto Memória da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (IMPL) está realizando, no saguão de entrada do Parlamento, a exposição “Mulheres Mato-grossenses e que Mulheres!” em homenagem a mulheres pioneiras que, em solo mato-grossense, fizeram a diferença na conquista de seus direitos civis, seu espaço e respeito no seio da sociedade.

Ao terem a coragem de manifestar ideias e opiniões, por seu espírito de liderança e por se atreverem em fazer diferente, muitas suportaram o ônus do preconceito, mas com coragem e determinação, abriram perspectivas para que tantas outras possam hoje exercer papel determinante na coletividade, no comando, e forte influência frente aos mais diversos segmentos em Mato Grosso e no Brasil.

São mulheres que não são necessariamente nascidas em Mato Grosso, mas aqui se realizaram, independentemente da época e dificuldades que tiveram que superar. A cada ano, a exposição ganha novas personalidades femininas e hoje se apresenta em quatro segmentos de mulheres pioneiras. Entre elas, as mulheres que marcaram a nossa história; as pioneiras contemporâneas e as que conquistaram um mandato político. Exemplificando:

- Mulheres históricas: Teresa Benguela, Maria Dimpina, Doninha do Tanque Novo, Maria de Arruda Müller, Ludovina Alves Porto Carreiro, Madre Marta Ceruti, Zulmira Canavarros, Dunga Rodrigues, Arlinda Morbeck, Dona Micaela;

-  Mulheres Políticas: Serys Marly – 1ª senadora por MT; Teté Bezerra – 1ª deputada federal por Mato Grosso; Oliva Enciso – 1ª deputada estadual de MT; Sarita Baracat –1ª deputada estadual de MT pós-divisão; Thais Barbosa – 1ª deputada estadual constituinte de MT; May do Couto – 1ª a presidir a Câmara Municipal de Cuiabá, e a partir de 2000 todas as mulheres que conquistaram mandato eletivo no Parlamento nas esferas estadual e federal. 

- Mulheres Pioneiras: Dentre elas, destacamos Shelma Lombardi – 1ª desembargadora; Maria Helena Póvoas – 1ª presidente da OAB/MT;  Luzia Guimarães – 1ª reitora da UFMT;  Nilza Queiroz – 1ª a presidir a Academia de Letras de Mato Grosso; Iraci França – 1ª a assumir interinamente o governo do estado de MT, e outras tantas como Madalena Rodrigues, Marilza Ribeiro, Dona Nina e Antonieta Ries Coelho.

E uma homenagem especial a todas as coordenadoras da Sala da Mulher “Deputada Oliva Enciso”, um espaço conquistado na sede do parlamento onde as ações sociais em prol de uma sociedade mais justa e igualitária são realizadas.

Segundo a superintendente do IMPL, Mara Visnadi,  o Instituto Memória do Poder Legislativo, na pessoa dessas mulheres que são destaque nesta exposição, presta sua homenagem a tantas outras mulheres que, muitas vezes anonimamente, são também pioneiras e exemplo vivo ao desenvolver na labuta do dia a dia seu papel de ser mulher.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo