? ºC Tangará da Serra - MT

Cultura

30/08/2017 17:07 Olhar Conceito

Cuiabana abre seu quintal para vender quitutes tradicionais e resgatar cultura da cidade

Um quintal grande, arejado, com cheirinho de bolo de arroz e café no ar. Pelas mesas e paredes, chitas chamam a atenção com seu colorido regional. Resgatar a cultura cuiabana e oferecer ao cliente ambiente e produtos que agucem a memória afetiva: este é o objetivo do ‘Dona Chita’, inaugurado em Cuiabá há cerca de dois meses.

A ideia veio da servidora Jolinete Conceição, 48, que é cuiabana e conhece bem essas tradições. “Minha avó cozinhava, minha mãe cozinhava, minha sogra... toda a minha família tem essa tradição. Meu marido é de Várzea Grande e eu de Cuiabá, somos todos daqui”, contou ao Olhar Conceito. Ela se uniu à nora, Marina Moreira, e decidiu abrir o quintal da própria casa para levar seus melhores quitutes para os clientes.
O trabalho com gastronomia já existe faz tempo. Jolinete morou em Juara, em Porto dos Gaúchos e em Tangará, cidades do interior do estado, onde tocava o restaurante ‘Recanto Cuiabano’. Por aqui, no entanto, ela optou por começar vendendo somente o café da manhã.
Bolo mané pelado (Foto: Olhar Conceito)
No cardápio estão disponíveis pedaços de ‘mané pelado’, bolo de arroz, de queijo, de fubá, de cenoura e de chocolate, paçoca de pilão, pixé, francisquito, broinha, chipas e pães de queijo, que custam de R$3 a R$4. O café e o chá são cortesia da casa, e quem preferir, pode tomar leite, puro ou com achocolatado, por R$3 a xícara (refil).
Bolo de arroz (Foto: Olhar Conceito)
Café e chá mate são cortesias da casa; chocolate quente é refil (Foto: Olhar Conceito)
Para preparar as delícias, e vendê-las fresquinhas, Jolinete e Marina acordam às 5h da manhã nos dias em que abrem o espaço - sextas, sábados e domingos. “Optamos por abrir só aos finais de semana, primeiro porque eu tenho que conciliar com meu outro trabalho, e também para sentir como vai ser a aceitação do público”, explica a empreendedora.
Nos próximos meses, no entanto, o objetivo dela é se dedicar ao espaço, reformar uma das salas para receber artesanato, e a quadra, que fica ao lado, para apresentações de cururu e siriri. Além disso, um dos planos é abrir durante a noite oferecendo diferentes caldos. “Também faço almoço cuiabano sob encomenda, e alugamos o espaço para festas e eventos”, explica.
“É um espaço simples, rústico e aconchegante, porque minha raiz é simples. Meu pai era garçom, minha mãe já cozinhava tudo isso... Então quero resgatar esse sentimento mesmo, resgatar a cultura cuiabana. Porque as pessoas não querem mais um lugar chique requintado, elas querem algo simples”, finaliza a proprietária.

Serviço


Dona Chita
Rua João Pedro de Oliveira, 210 – Verdão
Funcionamento: Sexta, sábado, domingos e feriados – 7h às 11h
Contato: (65) 3637-5100 / (65) 99640-0085


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo