? ºC Tangará da Serra - MT

Destaque

07/01/2019 12:47 Diário Da Serra

>JANEIRO BRANCO> REFORÇA CUIDADOS COM A SAÚDE MENTAL

Um mês direcionado especialmente à reflexão e cuidado da saúde mental. Esse é o principal objetivo do ‘Janeiro Branco’, campanha que desde o ano de 2014 é realizada para colocar temas da saúde mental em evidência no mundo, em nome da prevenção ao adoecimento emocional da humanidade. Com o slogan “#VemPraSaúdeMental”, a campanha é reforçada pelas redes sociais, como forma de atrair um  maior número de pessoas para assim despertar a importância dos cuidados com a mente.


Em Tangará da Serra a campanha também é debatida, convidando as pessoas a pensar sobre suas vidas, a qualidade dos seus relacionamentos e o quanto elas conhecem sobre si. De acordo com a psicóloga do Centro de Apoio Psicossocial (Caps), Thereza Érika, o Janeiro Branco enfatiza inúmeras situações que são relacionadas a saúde mental.


“Existem várias questões transversais quando a gente discute o Janeiro Branco. A campanha é importante para que as pessoas tenham mais informações sobre o que é a saúde mental, quais são as enfermidades, formas de tratamentos, cuidados e quais serviços procurar”, comentou a profissional, destacando que muitas pessoas não buscam ajuda de um profissional habilitado por não saberem o que de fato está acontecendo no campo psíquico. “Muitos quando passam por alguma alteração mental não têm informação sobre aquele problema, então a gente precisa falar mais sobre a saúde mental, quais os problemas e os fatores que impactam na vida, para que assim as pessoas possam ter informações para buscarem serviços adequados”, relatou a psicóloga.


Atualmente, Tangará da Serra conta com um amplo atendimento voltado para saúde mental, iniciando desde os postos de saúde que atendem casos de baixa complexidade até o Caps, que atende média complexidade, além dos hospitais que são responsáveis pelas altas complexidades.


“As pessoas podem ser atendidas em um desses níveis de atenção, vai depender da característica”, relatou a psicóloga.

 

“Há uma necessidade de se falar muito sobre isso”, afirma psicóloga

 

“Acredito que existe um grande trabalho social que vem sendo feito pelo campo da saúde mental e agora com o Janeiro Branco, assim como existe o Setembro Amarelo, reforça mais essa ideia. Ainda há uma necessidade de se falar muito sobre isso”, afirma a psicóloga Thereza Érika, que há alguns anos está envolvida em movimentos sociais voltados à saúde mental. Segundo a profissional, é importante haver o esclarecimento em torno do assunto e, consequentemente, quebrar tabus, para assim as pessoas efetivamente entenderem que o sistema psíquico está integrado com todo organismo biológico.


“Muito ainda precisa ser feito porque muitas vezes a questão psíquica não é vista como algo que coloca a vida do sujeito em risco. Até na política pública de saúde, outras questões recebem maior atenção do que a saúde mental, pois acredita-se que outros problemas podem fazer com que o sujeito perca a vida. De fato podem existir outras questões de nível de emergência maior do que a da saúde mental, mas é importante ter conceito que a saúde é integrada e dar atenção aos sinais que precisam ser investigados”, alertou a profissional.


Redes Sociais

Titulo fixo

Jornal Tangará Online

Avenida Historiador RUBENS DE MENDONÇA EDF - OFFICE TOWER -SALAS 1001 E 1002 Cuiabá MT
Fone (65) 3052-6030
E-mail: redacao@tangaraonline.com.br

EMC-Empresa Milas de Comunicação 
CNPJ 10.935.231/0001-40
e-mail :maykommilas@gmail.com

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo