? ºC Tangará da Serra - MT

Mundo

09/02/2018 15:28 G1

Z43, líder do cartel Los Zetas, é preso na Cidade do México

O traficante José María Guízar Valencia, conhecido também como "El Charly" ou "Z43", acusado de ser o líder do cartel de narcotráfico Los Zetas foi preso nesta sexta-feira (9) num bairro nobre da capital mexicana.

O comissário de Segurança Nacional, Renato Sales, destacou que José María "N" é acusado de ser o responsável pelo transporte de drogas da América do Sul para os Estados Unidos e um dos principais geradores de violência no sudeste do país. Como informa o jornal local "El Excelsior", Z43 era considerado um de 122 objetivos prioritários do governo federal mexicano.

O governo dos Estados Unidos ofereceu uma recompensa de US$ 5 milhões de dólares pela captura de Z43, que tem nacionalidades mexicana e americana.

Considerado um dos cartéis mais violentos do país, Los Zetas é apontado como o responsável por massacres no México e na América Central.

Eles surgiram no final da década de 90, quando integrantes do grupo de elite do Exército mexicano desertaram para formar a guarda pessoal do então líder do Cartel do Golfo, Osiel Cárdenas Guillén, detido em 2003 e extraditado para os EUA.

Em 2010, após anos de expansão, os Zetas romperam com o Cartel do Golfo, o que deflagrou uma sangrenta disputa no nordeste do país.

Os Zetas também enfrentam o Cartel de Sinaloa, liderado por Joaquín "El Chapo" Guzmán, pelo controle das rotas de narcotráfico para os EUA.

Além do tráfico de drogas, os Zetas estão envolvidos em extorsão, roubo de combustível e tráfico e sequestro de imigrantes.

O grupo é apontado como o autor do massacre de 72 imigrantes da América Central e América do Sul em um rancho de Tamaulipas, em agosto de 2010. Os Zetas também são acusados da morte de 52 pessoas em um cassino de Monterrey, no norte do México, que foi incendiado em agosto de 2011 por homens armados.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo