? ºC Tangará da Serra - MT

Política

06/06/2018 14:40 Prefeitura Cuiabá

Projeto "Verde Novo" leva plantio de 2 mil mudas de árvores para a Rodovia Emanuel Pinheiro

A Prefeitura de Cuiabá, o Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), representado pelo Juizado Ambiental (Juvam), e o Instituto Ação Verde, realizaram nesta terça-feira (05), data em que é comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente, mais uma ação do projeto “Verde Novo – 300 mil árvores, Cuiabá 300 anos”. Desta vez, a iniciativa, que tem apresentado resultados positivos na Capital, está contemplando a Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251), onde, em um trecho de aproximadamente dois quilômetros, mais de 2 mil mudas de árvores nativas começaram a ser plantadas.

Desde sua implantação, o Verde Novo tem representado o fortalecimento da parceria entre as diferentes instituições que caminham em busca de um ideal em comum: retomar para Cuiabá o histórico título de “Cidade Verde”. Para isto, as três entidades assinaram, em dezembro de 2017, um Termo de Cooperação Técnica com o intuito de unificar as ações, que antes eram realizadas separadamente, e alcançar a ousada meta de 300 mil árvores plantadas em comemoração ao tricentenário da capital mato-grossense.

O projeto teve início efetivo em março deste ano ao realizar o plantio de 500 mudas nas proximidades da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). Nestes primeiros meses de 2018, também sediaram a atividade o Parque das Águas, que recebeu cerca de 200 mudas, e o Parque Tia Nair, onde outras 300 foram fixadas. Em cada uma das edições, o Verde Novo segue um planejamento de utilizar no plantio pelo menos 70% de espécies nativas da região, respeitando assim o Decreto Municipal nº 5.144/12, que dispões sobre a arborização pública na área urbana.

“Temos uma parceria iniciada por meio desse projeto que está quebrando paradigmas. É necessário que cada um contribua com a preservação do meio ambiente e, principalmente, com o resgate do título de Cidade Verde. Isso é algo que a Prefeitura tem buscado seguir em todas as intervenções que faz. Na nova Praça Ipiranga, por exemplo, preservamos todas as árvores que estão no local há um século, demonstrando o respeito que temos por cada pedaço da nossa cidade. Por meio de ações como esta é que vamos construir o ideal de uma sociedade cada vez melhor. O sucesso de uma gestão está na participação de todos e, por conta disso, estamos construindo pontes com os mais diferentes segmentos da sociedade civil organizada”, comentou o prefeito Emanuel Pinheiro.

O juiz titular do Juizado Ambiental, Rodrigo Curvo, explicou que, nesse primeiro momento, o plantio está sendo realizado apenas nos passeios laterais da rodovia, podendo, nos próximos meses, ser ampliado para as rotatórias e canteiros centrais. Além disso, ele destacou também que a ideia é fazer com que a medida alcance outras rodovias de acesso à cidade como a Arquiteto Helder Candia (MT-010) e Palmiro Paes de Barro (MT-040). Durante o ato, o juíz também entregou ao prefeito Emanuel Pinheiro e ao governador do Estado, Pedro Taques, uma proposição para que toda obras de pavimentação sejam acompanhadas pelas atividades de plantio.

“Estamos procurando contemplar os acessos à Capital com a arborização. Desse modo, os visitantes, ou até mesmo o cidadão cuiabano, ao chegar ou sair da nossa cidade verão nessas vias diversas árvores nativas da nossa região. Já conseguimos arregimentar inúmeros participantes, unindo o poder público e a iniciativa privada. Também estamos fechando essa mesma parceria com a OAB de Mato Grosso, trazendo a instituição para o projeto e ainda entreguei essa proposta para os dois chefes do Executivo, que farão uma análise jurídica e administrativa para, posteriormente, normatizar e implantar em Cuiabá e em todo estado”, salientou Curvo.

Uma das empresas que aderiram a iniciativa foi o Grupo Petrópolis, que realizou a doação das 2 mil mudas utilizadas nessa edição. De acordo com o gerente de Comunicação Corporativa, Emerson Neves, para a companhia poder participar de projetos como o “Verde Novo” é um grande privilégio. “Essa parceria é uma ótima oportunidade para ampliar as ações ambientais que desenvolvemos e, principalmente, contribuir com o reflorestamento de Cuiabá, cidade pela qual temos muito carinho e respeito”, finalizou o gerente. 

Também participaram do ato os secretários municipais de Serviços Urbanos, José Roberto Stopa, de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Juares Samaniego, de Educação, Alex Vieira, do adjunto de Relações Comunitárias, Jonail da Costa, do presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, desembargador Rui Ramos, do superintendente executivo do Instituto Ação Verde, Vicente Falcão, do presidente da OAB-MT, Leonardo Pio da Silva Campos, e outras autoridades.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo