? ºC Tangará da Serra - MT

Última Hora

06/02/2019 08:20 OLHAR DIRETO

Mau cheiro se espalha por Cuiabá e Várzea Grande e irrita moradores

Diversos internautas relataram o problema com o mau cheiro que tem circulado por Cuiabá e Várzea Grande. O problema tem irritado os moradores das duas cidades, que estão tendo que conviver com o odor. Reclamações sobre o tema se estendem na capital mato-grossense desde 2010.

 
Um internauta relato que uma das fábricas responsáveis pelo mau cheiro seria a Sebo Jales, localizada na Passagem da Conceição, em Várzea Grande. A indústria fica bem próximo do Rio Cuiabá e o odor causado estaria se espalhando por bairros da capital mato-grossense e também da cidade vizinha.

 

Moradores da região relataram  que o mau cheiro existe. Uma mulher, que preferiu não se identificar, disse que “já acostumei com o odor. É frequente aqui. Mas a empresa dá emprego pra muita gente, não temos nem como reclamar muito”.
 
Segundo as denúncias, o mau cheiro fica ainda mais forte durante a noite.
 
A Sebo Jales, que produz ração animal, teve – nos últimos anos – fiscalizações realizadas pela Secretaria de Meio Ambiente (Sema), responsável por emitir as licenças para que as empresas funcionem. Estas indústrias precisam ter um sistema de tratamento de odores.
O gerente administrativo da empresa, Rodrigo Fuga, disse ao Olhar Direto que de 2011 a 2012, quando houve reclamação sobre mau cheiro, a Sebo Jales começou a investir para amenizar ou acabar com gases e odores. "Foram investidos, de lá para cá, pelo menos R$ 10 milhões em máquinas, equipamentos e produtos para acabar com isto".
"Tanto que, recentemente, o que tinha no Ministério Público Estadual (MPMT) e na Secretaria de Meio Ambiente (Sema) foi arquivado. Não tivemos reclamações recentes, é algo que pode ser confirmado com as autoridades. Acredito que não seja mais nada daqui, não temos tido reclamação. Temos pessoas que nos ligam, amigos, que falam quando há alguma problema. Portanto, acredito que não seja daqui", acrescentou o gerente.
Por fim, Rodrigo afirmou que a empresa não recebeu nenhuma queixa recentemente. "É até uma surpresa que me tragam isto, porque não tivemos reclamação com a gente. O pessoal aqui da região mesmo não veio reclamar e olha que eles estão perto. O que investimos é o suficiente para controlar. Nossa licença de operação é nova, recente. O pessoal da Sema fez auditoria, estão cada vez mais rigorosos".
A Sebo Jales opera no local desde 1998. Ao todo, são 135 empregos diretos gerados pela empresa.
 
Recentemente, em 2016, a Companhia de Bebidas das Américas (Ambev), instalada em Cuiabá, firmou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Ministério Público do Estado de Mato Grosso (MPMT) para reduzir os odores oriundos da estação de tratamento de efluente líquido e das operações do silo de armazenamento do bagaço.
 
A Secretaria de Meio Ambiente informou que não recebeu, formalmente, nenhum reclamação quanto ao mau cheiro. Além disto, acrescenta que  aguarda informações do setor de licenciamento da pasta. 


Redes Sociais

Titulo fixo

Jornal Tangará Online

Avenida Historiador RUBENS DE MENDONÇA EDF - OFFICE TOWER -SALAS 1001 E 1002 Cuiabá MT
Fone (65) 3052-6030
E-mail: redacao@tangaraonline.com.br

EMC-Empresa Milas de Comunicação 
CNPJ 10.935.231/0001-40
e-mail :maykommilas@gmail.com

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo